Rio de Janeiro: Museu do Amanhã

image

Inaugurado essa semana, o Museu do Amanhã, que faz parte do projeto de revitalização da Zona Portuária, trouxe um toque de modernidade que estava faltando na cidade. Muito interativo e ligado às novas tecnologias, o museu traz painéis de led gigantes, informações atualizadas a cada segundo e até um espaço sensorial que simula o momento da implosão da Perimetral. O foco do museu é o futuro, mais especificamente o que estamos fazendo no presente e como isso irá reverberar nos próximos anos. A partir disso, a exposição principal traz diversos dados, informações das mais diversas fontes e questionamentos, terminando com uma reflexão sobre o que podemos fazer para mudar a situação do planeta.
image
image
image

Além da arquitetura do espanhol Santiago Calatrava, que logo chama a atenção, o museu é muito focado nas questões de acessibilidade, oferecendo totens com imagens em relevo, explocações em braile, guias no chão, rampas e corredores amplos.
image

image

Seguindo o foco do museu de pensar a situação do planeta e a consequência dos nossos atos no presente, a sustentabilidade recebe bastante atenção: “a estrutura de aço que cobre o museu tem painéis de energia solar e acompanha o movimento do sol; os espelhos d’água ao lado do Museu compõem um sistema que capta a água do mar para ser usada na refrigeração do prédio e a devolve à Baía de Guanabara numa pequena cascata ao final do píer” (retirado do material institucional oferecido no balcão de informações do Museu).

image

Na entrada, os visitantes recebem um cartão que deverá ser ativado após subirem a escada e depois, onde tiver o símbolo semelhante, serve como “chave” para desbloquear a tela dos totens interativos, que apresentam informações, joguinhos e outras coisas. Quem dá essas informações é a IRIS, “uma assistente digital”.

image

image

image

image

O museu é muito legal e diferente de tudo que temos na cidade. Ainda está um pouco “cru”, vazio e branco demais, mas promete ser um ótimo espaço. Além de todas as exposições, as crianças podem aprender se divertindo no espaço educativo.
image

Observações:
– O ar-condicionado é ótimo. Senti frio de verdade lá dentro e estava muito calor do lado de fora.
– O museu tem WiFi (que funciona). Basta conectar na rede e se cadastrar na tela que pedir seu login. Sinal muito bom.
– Ainda existem alguns errinhos de inauguração, o segundo andar está indicado como primeiro em uma placa, por exemplo. Entrei no elevador pra ir para o segundo andar e fiquei parada…
– Senti muita falta de um café, alguma coisa para sentar e conversar, o restaurante que estava indicado nas placas estava fechado. Espero que seja o próximo passo.

O Museu do Amanhã fica na Praça Mauá, Centro do Rio de Janeiro.

Explicações em português, espanhol e inglês.

FUNCIONAMENTO: terça a domingo de 10h às 18h, última entrada às 17h.
INGRESSOS: R$10 inteira/R$5 meia. Entrada gratuita nas terças-feiras.

Meia-entrada para menores de 21 anos, estudantes de escolas ou universidades particulares, pessoas com deficiência, servidores públicos do município do Rio de Janeiro, moradores da cidade do Rio de Janeiro.
Gratuidade para alunos e professores da rede pública, pessoas com até 5 ou mais de 65 anos, guias de turismo e participantes do programa Vizinhos do Amanhã.

Mais infos: http://www.museudoamanha.org.br
/museudoamanha em todas as redes sociais
Para conferir a programação, entrar no site ou baixar o aplicativo do Museu na Apple Store ou na Google Play.

Anúncios

3 comentários sobre “Rio de Janeiro: Museu do Amanhã

  1. Pingback: Rio de Janeiro: exposições de janeiro/16 | Paula Drummond

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s