TOP 11 meus passeios preferidos em Londres

1) Ver as coisas loucas de Camden Town

Camden Town é talvez meu lugar preferido na cidade. Famoso por ter sido a casa de Amy Winehouse, o bairro mais cool de Londres oferece pubs, restaurantes e um mercado muito legal em que você encontra roupas, itens de decoração, aleatoriedades e até drogas. As fachadas das lojas são muito elaboradas e não é difícil ver piercings, tatuagens, roupas punk e artistas de rua por ali.

camden1

É um lugar para você ir se tem a cabeça aberta e gosta de coisas alternativas e mais descoladas. Saltando na estação de Camden Town (linha preta do metrô), na Camden High Street tem várias lojas, como Aldo, Urban Outfiters, Topshop e H&M; livrarias, como a Waterstones (amor da minha vida); restaurantes e pubs (recomendo o The Elephant’s Head e o The Hawley Arms — era o preferido da Amy). Virando para a direita, você começa a ver feirinhas de roupa, como o Camden Market, e chega no Camden Lock, talvez o lugar mais cool da cidade, onde você encontra de tudo um pouco. Por ali também rolam barraquinhas de comida de vários países (recomendo o fish and chips da maior de todas).

comidinhas

camden lock

Não deixe de ir na Cyberdog, um misto de loja futurista, de itens para mágica e boate de música eletrônica. Ela é toda néon e você não pode filmar ou fotografar lá dentro.

cyberdog

Passeie por Camden Town, é um bairro extremamente ligado à arte e ao novo — uma verdadeira experiência!

2) Musicais do West End

west end

Eu amo musicais. Apesar de ter visto mais coisa na Broadway (no West End só vi Os Miseráveis), eu recomendo muito o passeio. A experiência de ouvir as músicas ao vivo com orquestra é incrível. O valor dos ingressos muda muito de peça para peça, mas fica aí a dica: na Leicester Square, uma praça com vários cinemas, restaurantes e pubs, tem uma casinha que vende ingressos mais baratos de última hora para os musicais. Recomendo que você passe lá por volta das 16h. É para comprar e ir direto, a maioria dos teatros fica na região de Piccadilly Circus, então é bem pertinho. As peças mais famosas do West End são Les Miserables, The Book of Mormon, Wicked, The Lion King, Alladin e The Phantom of the Opera. Nesse site, você encontra as peças, preços e pode comprar seus ingressos com antecedência. A montagem inglesa de Hamilton: An American Musical, aka meu musical preferido da vida, chega em Londres em novembro de 2017. Se você é fã de Harry Potter, apesar de não ser do West End, vale a pena se informar sobre a peça Harry Potter and the Cursed Child.

3) Os brechós e street art da hipster Brick Lane

brick lane

Brick Lane é uma rua do leste de Londres conhecida pelos seus restaurantes indianos, mas é muito mais que isso. Essa área era uma das mais perigosas de Londres (Jack, o Estripador atacava por lá), mas hoje vêm se tornando um cenário alternativo e o mais hipster da cidade com brechós, lojas de vinil (a Rough Trade fica por ali) e grafites (do Banksy, Dface e Ben Eine, inclusive) — até a loja da MAC da região é grafitada. Por ser um centro de efervescência artística, é por ali que rola o Alternative Walking Tour. Se você se interessa por street art, recomendo passear por outras ruas por ali também.

brick lane2fred-bigio-shoreditch

A região, claro, é extremamente multicultural e tem uma das noites mais legais da cidade (recomendo!). O lugar pode parecer perigoso e soturno, mas vale a pena ser visitado. Recomendo dar um pulo lá no domingo, quando uma cervejaria antiga, a Old Truman Brewery, abre as portas para feiras de estilistas e designers independentes. Para chegar lá, recomendo a estação de Aldgate East, nas linhas rosa ou verde (atenção: Aldgate East é diferente de Aldgate).

*É importante dizer que, sim, a ocupação desse espaço foi muto complicada. Com as olimpíadas, a região de East London, onde Brick Lane está localizada, foi usada para a hospedagem de turistas. Os imigrantes que viviam lá havia séculos e tinham uma cultura ali (até as placas são em dois idiomas) tiveram que do nada se acostumar com uma enxurrada de turista passeando e modificando o cenário. Algumas lojas locais foram substituídas por grandes redes e sinto que toda vez que eu for em Brick Lane, verei algo diferente.

4) Feirinha de Notting Hill

portobello-road-notting-hill-london-w11

Notting Hill é um dos bairros mais fofos de Londres. Além das casas coloridas e dos brechós incríveis, no domingo rola uma feirinha vintage na Portobello Road (tipo a Feira do Lavradio, no Rio). É um ótimo passeio para o fim de semana.

5) Os sebos e livrarias de Charing Cross

Essa “coisa favorita” é meio aleatória, não tem motivos especiais, mas eu adoro ficar passeando por essa região. Ela tem vários sebos, livrarias e a Cass Art, uma loja de produtos de arte e papelaria que é surtante. Nem sei muito como defender esse aqui, só dê uma voltinha por lá e veja o que acha, haha.

6) As exposições mais diferentonas da cidade no Tate Modern

tatemodernbuilding_0

O Tate Modern é um museu de arte moderna e contemporânea localizado às margens do rio Tâmisa. Se você gosta de arte moderna, vale a pena dar uma passada nele, que abriga, por exemplo, o A Fonte (aka o mictório de Duchamp); o telefone de lagosta, do Dalí; a pop art do Roy Lichtenstein e do Andy Warhol. Outros artistas que têm obras no Tate são a *incrível* Marina Abramovic, Mondrian, e Matisse. Enfim, um museu cool, com um acervo foda e ainda DE GRAÇA. A estação mais próxima é a Southwark e clicando aqui você encontra mais informações. Mesmo se você já tiver ido, recomendo sempre dar uma olhada nas exposições que estão rolando, sempre tem coisa legal.

7) A vista de Primrose Hill

Primrose-Hill-iStock_000088343479_Small

A vista de Primrose Hill é uma das coisas mais lindas de Londres. Ótimo lugar para passear e fazer piqueniques na primavera e no verão, o morro/parque Primrose Hill fica situado no bairro homônimo, pertinho do Regent’s Park e de Camden Town. Esse bairro é considerado um dos melhores exemplos de urban village, ou seja, uma área residencial no meio da cidade, mas com ar de interior. Nomes como Gwen Stefany, Kate Moss, Sylvia Plath e Tim Burton já moraram em Primrose. O fato é que se você quer ver celebridades e artistas britânicos, o parque de Primrose Hill é o melhor lugar para tentar. A melhor forma de chegar é saltar na estação de Camden Town e ir seguindo o canal na direção do zoológico. Tire uma tarde para ficar por ali com calma lendo um bom livro, comendo coisas gostosinhas e recomendo — muito — esperar o pôr do sol :)

8) Compras na Oxford Street e Regent Street

what-s-on--regent-street-2017-8c365bce-9b2

Eu amo fazer compras em Londres (#sdds libra a R$2,90) e a Oxford Street tem uma das maiores concentrações de lojas legais e baratas da cidade. Apesar de preferir garimpar roupas e acessórios em Brick Lane, Camden ou Notting Hill, a clássica Oxford St. também tem seu valor nas compras dando espaço para a Primark, H&M, Topshop, Urban Outfiters, River Island, Acessorize, Bershka e outras do tipo.

Na Regent St, que corta a Oxford St, você vai encontrar lojas mais refinadas e clássicas de Londres, como a Liberty (que vale o passeio, btw) e a Harrods. Por ali também rola uma Apple Store e alguns cafés aconchegantes para um chá da tarde. A decoração de Natal é linda!

Para chegar nas duas, as estações são a Piccadilly Circus ou a Oxford Circus. Mas atenção: no horário de rush às vezes compensa ir a pé até lá, a estação fica muito, muito cheia. As lojas costumam ficar abertas de 10 às 22h.

9) Comer no Nando’s e a sobremesa no Ben’s Cookies

O Nando’s é o meu restaurante BBB preferido no Reino Unido, recomendo fortemente o arroz picante. O Ben’s Cookies é o meu vício desde o meu intercâmbio em Oxford, recomendo o cookie de chocolate branco com cranberry. Esses são dois sabores que me fazem lembrar de Londres quando os imagino. Tenha certeza: sempre que chego em Londres, eu faço esse combo. É meu jeito de dar “oi de novo” para a cidade :)

10) Passear ao longo do Tâmisa

rio-tamisa-culturainglesace

O Tâmisa é o rio que banha Londres e Oxford e é uma delícia andar ao longo dele. Seguindo o curso do rio, você consegue ver boa parte da cidade e o skyline, é um ótimo passeio para um dia de caminhada mais descompromissado. Atenção: pode ser meio frio no inverno, venta muito.

11) Beber em pubs que tenham nomes legais

Definitivamente, minha coisa favorita em Londres é ficar passeando e lendo os nomes dos pubs, sempre muito criativos e alguns tão WTF que chegam a ser engraçados. Esses são meus preferidos, sempre entro para tomar uma cerveja nos melhores nomes do dia.

Bônus: bate-volta em Oxford

Vou fazer um post bonitinho sobre Oxford, mas é só pra constar aqui que esse é um dos passeios preferidos. Quanto tinha dezessete anos, fiz intercâmbio em Oxford e só guardo boas recordações: uma cidade pequena de arquitetura maravilhosa e um ar mágico.

Pegue o Oxford Tube, um ônibus expresso que parte de diversos pontos da cidade. Oxford fica a uma hora e meia de Londres mais ou menos. Já em Oxford, visite a Christ Church (fãs de Harry Potter, preparem o celular, vocês vão reconhecer diversos cenários dos filmes), a Radcliffe Camera, o mercado central (coma no Ben’s Cookies e tome um milkshake no Moo Moo’s por mim!) e almoce no Eagle & Child, ou The Bird and the Baby, o pub favorito do Tolkien, do Lewis e dos acadêmicos de Oxford. Chegue cedo porque fica lotado. O meu pub preferido por lá, mas por pura nostalgia, é o The White Horse. Para chegar nele, na rua principal pegue o ônibus número 8 sentido Londres e salte na Brookes University, é um pouco afastado do centro. Para voltar para Oxford, é só pegar o mesmo ônibus no outro sentido; para voltar para Londres, é só esperar o ônibus Oxford Tube no mesmo ponto em que você saltou, o Brokes University. Se quiser ficar uma noite e curtir uma #baladinhatop, haha, procure a The Bridge (principalmente nas quartas!). Oxford é conhecida por parecer uma cidade de contos de fadas e é assim mesmo que nos faz sentir <3

 

 

 

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s